Projeções econômicas

Relatório Focus: previsão do mercado para inflação sobe pela 16ª semana consecutiva

Levantamento semanal do BC com mais de 100 instituições financeiras aponta desancoragem das expectativas também para 2023 e 2024

Por  Equipe InfoMoney -

O mercado elevou pela 16ª semana consecutiva a previsão para a inflação deste ano, agora para 7,89%, aponta o Relatório Focus divulgado pelo Banco Central na manhã desta segunda-feira (3).

A expectativa das mais de 100 instituições financeiras consultadas pelo BC para o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) de 2022 é mais que o dobro da meta, que é de 3,5% com tolerância de 1,5 ponto percentual (ou seja: a meta será cumprida se o índice ficar entre 2% a 5%).

Também subiu a estimativa da inflação para o próximo ano, e as projeções de 2023 (alta de 4% para 4,1% em uma semana) e 2024 (estável em 3,2%) também estão acima da meta do BC (que é de 3,25% e 3,00%), em um sinal de desancoragem de expectativas do mercado.

Expectativas do mercado para 2022:

  • IPCA: alta de 7,65% para 7,89% em uma semana (16ª semana seguida de alta)
  • Selic: estável em 13,25% ao ano
  • PIB: alta de 0,65% para 0,70% (5ª alta semanal seguida)
  • Dólar: estável em R$ 5,00
Relatório Focus de 29 de abril de 2022 divulgado pelo BC em 2 de maio de 2022

Projeções para Selic, PIB e câmbio

Segundo o Focus divulgado hoje, o mercado também prevê um PIB (Produto Interno Bruto) maior neste ano: a estimativa é que a economia vai crescer 0,70% (contra 0,65% na semana passada e 0,52% há um mês). Para 2023, 2024 e 2025, as estimativas continuam as mesmas: altas de 1%, 2% e 2%, respectivamente.

As projeções para a Selic e o câmbio também permanecem as mesmas, mas para 2022 (13,25% ao ano e US$ 1 = R$ 5 em dezembro, respectivamente). Para 2023, ambas subiram (9,25% para a taxa básica de juros e R$ 5,04 para o dólar, contra 9,00% e R$ 5 na semana passada, respectivamente).

Indicador2022202320242025
IPCA7,89% ^4,1% ^3,2% =3% =
Selic13,25% =9,25% ^7,5% =7% =
PIB0,70% ^1% =2% =2% =
CâmbioR$ 5,00 =R$ 5,04 ^R$ 5,00R$ 5,02

Greve do BC volta amanhã

O Relatório Focus ficou sem ser divulgado por três semanas devido à greve dos servidores do BC, e sua publicação na semana passada foi possível porque a categoria suspendeu a paralisação por duas semanas, de 20 de abril a 2 de maio, para dar um “voto de confiança” ao presidente da instituição, Roberto Campos Neto.

Mas os servidores aprovaram na sexta-feira (29) a volta da greve a partir de amanhã, terça-feira (3), e mantiveram a reivindicação de reajuste salarial de 27%. A divulgação do Focus desta semana também atrasou: a agenda do BC previa que os números seriam publicados às 8h30 de hoje, mas só ficaram disponíveis às 10h.

Leia também:

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe