Mudança no streaming

Netflix vai cobrar pelo compartilhamento de senha em mais 5 países; veja quais

Brasil ficou de fora da medida, que vai afetar Argentina, El Salvador, Guatemala, Honduras e República Dominicana e custar entre R$ 9 e R$ 16 por casa extra

Por  Equipe InfoMoney -

A Netflix (NFLX34) anunciou na segunda-feira (18) que vai passar a cobrar pelo compartilhamento de senhas de seu serviço de streaming em mais cinco países da América Latina. O Brasil ficou de fora da medida, que vai afetar Argentina, El Salvador, Guatemala, Honduras e República Dominicana.

A cobrança extra começará em agosto e será feita através do recurso alternativo “adicionar uma casa”. Ela custará 219 pesos por casa na Argentina (cerca de R$ 9 na cotação atual) e US$ 2,99 nos demais países (cerca de R$ 16).

Em março, a empresa já havia lançado o recurso “adicionar membro extra” no Chile, na Costa Rica e no Peru. O InfoMoney questionou a companhia se há diferença entre os recursos “adicionar uma casa” e “adicionar membro extra”, mas não recebeu uma resposta até a publicação desta reportagem. Perguntou também se há previsão de a medida ser adotada no Brasil.

Ao justificar a decisão, a Netflix afirmou que “o compartilhamento generalizado de contas entre as famílias prejudica nossa capacidade de longo prazo de investir e melhorar nosso serviço”, por isso está “explorando cuidadosamente diferentes maneiras de as pessoas que desejam compartilhar suas contas pagarem um pouco mais”.

Como vai funcionar a cobrança

Segundo a Netflix o serviço só poderá ser usado em uma residência por conta nos cinco países (Argentina, El Salvador, Guatemala, Honduras e República Dominicana), mas haverá a opção “adicionar uma casa”. “Para usar sua conta Netflix em casas adicionais, pediremos que você pague um extra”, diz a empresa.

O valor será de 219 pesos por mês por casa na Argentina (R$ 9,20 na cotação atual) e US$ 2,99 por mês por casa em El Salvador, na Guatemala, em Honduras e na República Dominicana (R$ 16,25). Os membros do plano Basic podem adicionar só uma casa extra, os do Standard poderão ter até duas casas extras e os do Premium, até três.

A companhia diz também que haverá um novo recurso de “gerenciamento de casas”, para “controlar onde sua conta está sendo usada — e remover casas a qualquer momento”, e que vai continuar a ser possível assistir à Netflix “fora de casa em seu tablet, laptop ou celular”.

Planeje seus gastos
Baixe de graça a planilha de controle financeiro com todos os cálculos para monitorar seus gastos mensais e veja um resumo sobre a evolução do seu orçamento ao longo do ano:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe